Publicado por: frentevida | 23/08/2011

Profundidade do pensamento

Na fotografia, a profundidade de campo depende diretamente da abertura do diafragma e da proximidade do objeto a ser fotografado. Quanto menor a abertura, maior parecerá a distância do objeto em relação ao seu plano de fundo.

A regulagem do diafragma na câmera fotográfica é mesmo para definir esta profundidade de campo desejada como efeito da perspectiva do objeto inserido num plano de foco.

Quem gosta de fotografia e já brincou em tirar várias fotos do mesmo objeto com diferentes valores para o diafragma, percebe que apesar da mesma posição da câmera e objeto, as imagens produzidas são de percepções bem distintas.

Talvez na vida, também seja preciso fazer alguma regulagem em nossa perspectiva diante de certos objetos. A dificuldade de distinguir ou entender um pouco mais o contexto dos sentimentos envolvidos, quando o plano de fundo encontra-se desfocado, pode mesmo estar associada pela nitidez fulgente do objeto principal.

Penso que diferentes profundidades de campo talvez possam mesmo ajudar a produzir revelações que nos façam pensar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: